A CHANDON compartilha suas práticas de viticultura sustentável e desafios da colheita de 2022

Desde 1973, a CHANDON se dedica exclusivamente a elaborar espumantes excepcionais, nas Serras Gaúchas, de forma corajosa, colaborativa, inspiradora e em busca de um futuro mais sustentável e responsável.

Desde o ano 2000, a CHANDON tem seu vinhedo próprio, em Encruzilhada do Sul, e este é considerado um modelo em viticultura sustentável, é a sua vitrine. Prezando pelo cuidado e proteção, a vinícola busca constantemente a inovação, o pioneirismo e a preservação de suas terras, sendo a primeira vinícola brasileira a receber a certificação PIUP (Produção Integrada de Uva para Processamento), de viticultura sustentável, para elaboração de espumantes.

A vinícola traz um novo olhar para o futuro da Viticultura Sustentável na elaboração dos espumantes brasileiros

CHANDON conquistou essa certificação colocando em prática técnicas de sustentabilidade neste terroir único, as quais consistem em estimular as defesas naturais da videira, reduzindo o uso de produtos químicos, racionalizando o manejo do vinhedo e melhorando as condições para cobertura vegetal e o aumento da biodiversidade. Favorece, assim, a vida e a saúde do solo, aumentando sua fertilidade promovendo melhor drenagem e retenção da água. Estes fatores elevam o teor de matéria orgânica do solo, que, desta forma, sequestra o gás carbônico, um dos principais gases responsáveis pelo efeito estufa.

Além disso, a CHANDON implementa um sistema de logística reversa que permite que os resíduos sejam revertidos à indústria e reutilizados. Coletando o lixo, a empresa o separa de acordo com cada categoria e o envia diretamente a fornecedores locais que o reciclam. Hoje em dia, mais de 99,34% dos resíduos gerados durante o processo produtivo na vinícola são reciclados e esforços constantes são destinados à melhoria contínua desses números.

Na safra de 2022, a vinícola enfrentou desafios e situações inesperadas, e usou do pioneirismo e expertise para garantir a qualidade de seus espumantes.

Este ano teve que lidar com as altas temperaturas que poderiam afetar as qualidades organolépticas das uvas e, consequentemente, dos espumantes elaborados a partir delas. Para superar esta dificuldade, a equipe de enologia acompanhou com precisão a curva de maturação das uvas, tomando a decisão de antecipar e acelerar a colheita das uvas mantendo o ponto de maturação desejado, preservando a acidez e um teor de açúcares moderado, mantendo desta forma o frescor, a leveza e a delicadeza aromática que caracterizam os espumantes da CHANDON.

A pandemia foi um fator extra que afetou a adaptação de safristas, os quais precisaram se adequar às medidas de biossegurança para a COVID-19, com o objetivo de manter a segurança durante esse momento importante de celebração do trabalho anual do vinhedo: a colheita.

Nesta safra, a comunidade teve um papel ainda mais fundamental, já que a CHANDON conta com uma grande equipe de safristas durante a colheita e destaca a importância dessa interação.

“O conhecimento é o resultado de uma conversa permanente entre o vinhedo e a vinícola da CHANDON; nossa história com a comunidade da CHANDON é uma relação de longo prazo e uma troca fundamental.” diz Philippe Mével, enólogo chefe da CHANDON Brasil.

A colheita desta safra teve 61,8% de mulheres na vindima, provando que os diferentes olhares podem trazer resultados excepcionais. Lembramos que a vinícola tem orgulho de suas raízes brasileiras, das matérias primas que maneja, e isso só prova que a terra proporciona conexões e experiências inesquecíveis por meio das pessoas, das trocas e da cultura local.

“A importância de ser uma mulher num mercado predominantemente masculino é trazer um olhar de que é possível estar nesse mercado de viticultura, influenciar outras mulheres e mostrar que tem muito espaço no mundo do vinho a ser conquistado por nós.” Diz Franciele Santos, enóloga da CHANDON Brasil.

CHANDON acredita que o espumante é mais do que um produto agrícola, é a reunião de uma comunidade de talentos em busca de um resultado excepcional e sustentável; por isso, a saúde e a manutenção da terra, do meio ambiente e das pessoas são de extrema importância no processo de elaboração até a entrega dos seus espumantes excepcionais na casa de seus consumidores.

Fotos: Link

SOBRE CHANDON

Arriscar e descobrir novos territórios e possibilidades faz parte do espírito pioneiro da CHANDON, a Maison de espumantes da LVMH, desde sua fundação, em 1959, por Robert-Jean de Vogue, um pioneiro com visão, coragem e determinação para redefinir a categoria.

CHANDON é sinônimo de novos e surpreendentes terroirs, métodos inovadores e uma natureza curiosa e desbravadora. Com vinhedos cuidadosamente escolhidos, localizados em quatro continentes e uma rede colaborativa de 16 enólogos de 7 nacionalidades, somos a mais local das marcas globais. A comunidade é a nossa força, um dos princípios que nos move. A nossa história é de um trabalho coletivo de sucesso.

CHANDON não simplesmente está no Brasil; ela é do Brasil. Mais do que uvas, cultivamos o orgulho em nossa brasilidade. Somos a primeira propriedade vinícola no país dedicada exclusivamente a espumantes. Situada nas encantadoras Serras Gaúchas, com seu clima subtropical temperado, colhemos à mão cada valiosa uva, sempre profundamente conectados com as nossas raízes e propósito: elaborar espumantes e experiências excepcionais, de forma preciosa e colaborativa, em direção a um futuro sustentável e responsável.

CHANDON: abrindo um mundo de possibilidades.

Redes Sociais

Facebook: /ChandonBrasil

Instagram: @Chandon_Brasil
Site: www.chandon.com.br
SAC Chandon: 11 3062-8388

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s